terça-feira, 25 de abril de 2017

A Cromoterapia e seus benefícios

Já ouviu falar sobre cromoterapia? As cores podem influenciar o seu dia-a-dia, sabia?

Segundo nossos antepassados que já se utilizavam da técnica para benefícios próprios e o cientista alemão Johann Wolfgang Von Goethe que fez uma exaustiva pesquisa de 40 anos estudando os efeitos das cores no organismo humano, foi constatado que as cores podem nos causar uma sensação relaxante, de bem-estar, além de ser uma ferramenta na promoção da saúde e qualidade de vida.

Neste artigo, veremos como é feito o uso das cores na cromoterapia, a influência das cores em ambientes e como é realizado o atendimento pelo cromoterapeuta (profissional responsável pelos atendimentos

COMO USAR AS CORES NA CROMOTERAPIA

Cor Vermelha: Cor forte e que deve ser usada com cautela. O excesso do uso da cor vermelha pode causa nervosismo e ansiedade. A cor vermelha estimula o sistema nervoso e ativa a circulação.
Cor Amarela: Cor com propriedades inspiradoras, capaz de ajudar na perda da timidez e expandir a agilidade mental. Esta é a cor ideal para a busca de inspiração e criação.
Cor Laranja: Cor alegre e com propriedades antidepressivas. Essa cor influencia no dinamismo e na capacidade de expressão da pessoa.
Cor Verde: Cor que traz tranquilidade, saúde e harmonização com a mente e natureza. Essa cor é usada para tratar insônia, dores de cabeça, problemas no coração, etc.
Cor Azul: Cor relaxante que traz tranquilidade e que promove a paz e harmonização. Esta cor tem a capacidade de baixar a pressão arterial, além de possuir propriedades analgésicas.
Índigo: Cor que simboliza a compreensão e a intuição. Purifica o sangue e tem propriedades analgésicas.
Cor Violeta: Cor relacionada com a paz de espírito e estabilidade emocional. Acalma os músculos, os nervos e a mente, elimina infecções e impurezas.