quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

"A Cobiça"

 
Buscando encontrar respostas para todas aflições do mundo, ainda sem sucesso!
Uma insegurança diante de tantas mentiras, calúnias, decepções!
Embriagada com o cheiro da imundicie das mentes perversas que só expelem ódio!
Atravessando séculos, vencendo barreiras e cataclismas,não muda nada,apenas o cenário.
O maior dos pedradores se encontra aqui no agora,disfarsado de doçura  e vantagens... "a cobiça".
Quererendo prender os mais compulsivos e fracos!
Ofertando seu veneno fatal!
Traduzindo uma linguagem destrutiva porém desejada... "a vantagem".
Sobre todas as camadas dessa terra esconde-se dores,aventuras,pecados e abismos.
Onde haverá misericórdia diante de tantos absurdos revelados?
Outros como forma de segurança são exterminados!
Mas não consigo visualizar nada mais do que o homem brincando do "Criador".
A cobiça existe para nos sinalizarmos da catástrofe que se instala diante das nossas mãos.
Inteligência moderada é sinal de lição aprendida!
Inteligência destrutiva é aquela que perde seus limites e constrói monstros!
Anjos de asas quebradas invadindo ares não permitidos,
Anjos invasores de um tempo já determinado...aceleradores de um relógio malígno!
Posso ver esses anjos vestidos de imagens holográficas com rostos e destinos perdidos.
Estão entre nós, por toda parte.
Nas indústrias mal direcionadas.
No ensino que gera profissionais carrascos.
Nas religiões que usam do abuso de escolhas.
Nas famílias que permitem a extinção infantil por montros disfarsados de pais.
Nas amizades que enterram um punhal com um beijo na face.
Nos romances infelizes começados por puro prazer apenas.
Na falta de identificação com criador e criatura.
Na falta de humildade e na ociosidade.
Mas não posso ser fraca!
Possa ser que ainda exista um anjo desses esperando por mim... muitos deles eu já destruí.
Mas eles sempre retornam disfarsados pensando que me enganam!